Nós e a Astrologia

astrologia41

Na Astrologia,  todos os instantes é desenhado nos céus um novo drama que pode ser lido.

Por isso eu, que sou escritor, me apaixonei por ela. Ela tem personagens que são chamados de planetas e signos, tem um ambiente onde tudo acontece (o céu e as casas), tem relações entre estes personagens (os aspectos) e uma história a ser contada (a carta natal ou mapa astral).

O que os astrólogos profissionais fazem é fazer coincidir este drama com a data de nascimento de uma pessoa, que corresponde a uma história única que pode ser contada.

Sincronicidade

 

Psychologist Carl G. Jung

Carl G. Jung

Jung diz que o que rege a Astrologia é a sincronicidade. A pessoa que pede um mapa astral e recebe uma interpretação de um astrólogo tem em suas mãos uma história que ganha significado por ter sido desenhada por aquele mapa naquele instante e ser ela a pessoa que recebe. Isso não tem nada a ver com uma relação de causa e efeito. É “apenas” uma coincidência significativa (como abrir um dicionário ao acaso e a palavra escolhida ser exatamente aquela que desejávamos encontrar).

Duas pessoas que nasceram no mesmo local no mesmo instante terão mapas idênticos e podem ter vidas completamente diferentes.

Mas onde entra a sincronicidade? Uma delas vai a um astrólogo e, “sincronicamente” o que ela ouve do astrólogo tem muito a ver consigo própria. A outra não foi (e não teve sua vida analisada) porque não precisava ouvir aquilo.

Talento do Astrólogo

L0020712 An Astrologer at his desk

A Astrologia, como todo oráculo, depende de interpretação. O mapa astral traçado de acordo com uma técnica será sempre igual, o que permite se criar um programa de computador que o desenhe.

Porém de posse de um mapa, o astrólogo tem diante de si um conjunto imenso de informações e vai filtrar o que julgar importante de acordo com um método próprio ou simplesmente usando a intuição. O mapa então se torna uma imensa mancha de Rorschach que será interpretado por um ser humano com uma certa sensibilidade.

Efeito Barnum

Phineas_Taylor_Barnum_portrait

Phineas Taylor Barnum

Efeito Barnum é nome dado a tendência do ser humano de acreditar em qualquer coisa dita a seu respeito que contenha um mínimo de características positivas. Ou às vezes de assumir um comportamento porque alguém disse que era próprio dele.

Isso não prejudica só a Astrologia. Este efeito dificulta  pesquisas em relação a teorias da personalidade. O pesquisador terá que trabalhar muito para isolar este efeito para ter uma pesquisa fidedigna.

Baseado nisso, alguns horóscopos de jornal colocam conselhos genéricos em vez colocar previsões

Então tenha cuidado ao ouvir qualquer descrição comportamental de sua pessoa,  vinda de seja lá quem for: astrólogos, psicólogos, vendedores (“este produto foi feito para pessoas distintas como você”). O espírito crítico é sempre útil. Aliás, é o que se espera quando a pessoa busca alguma orientação de um profissional (astrólogo, psicólogo ou terapeuta) e deseja o auto conhecimento.

Lidando com a Astrologia

Se você desejou fazer um mapa astral, você deve estar preparado para algumas coisas. Em primeiro lugar, tome cuidado com o efeito Barnum.

Em segundo lugar, não esqueça que tem livre arbítrio. Uma previsão astrológica, ruim ou boa, está sujeita a uma ação, que é de sua livre escolha.

Assim, não encare o Mapa Astral como uma camisa de força.

Todos os oráculos tem como função ajudar no nosso processo de auto conhecimento, como o teste de  Rorschach. Do meu ponto de vista ela é mais do que isto: ela é um conjunto bem complexo de descrições de comportamentos e personalidades. Ler o seu mapa astral ou de qualquer outra pessoa é o mesmo que ver uma série de comportamentos com os quais podemos ou não nos identificar.

Outra coisa importante: as previsões. Quando um oráculo nos dá uma predição de algum acontecimento ele está sinalizando uma possibilidade. Podemos usar esta informação para a ver a questão sobre outro ângulo. Quando estamos interessados em resolver um problema, às vezes é preciso sair do nosso centro e olhar a questão de fora. Podemos fazer isso com a ajuda de um amigo, um psicólogo, um psicanalista, um terapeuta ou um oráculo.

Vamos supor que você esteja precisando de dinheiro (quem não está?) e a resposta seja: “o dinheiro vira de uma fonte inesperada”. Você pode interpretar de duas formas:

1) Passiva:

Oba! Vou ganhara na loteria”!

2) Ativa. Você pode entre outra coisas se perguntar:

 “O que poderia estar fazendo de diferente para poder ganhar mais dinheiro?”

A maioria das consultas gira em torno de três fatores: amor, saúde e dinheiro. Por isso que as colunas de horóscopo giram em torno destes aspectos. Mas será que é só isso que podemos extrair de um Mapa Astral?

Filosofia e Criatividade

As questões podem ser as mais variadas e podemos usar uma mapa astral para além do nosso auto conhecimento. É possível ampliar a interpretação para conhecer algo a respeito da natureza humana ou meditar sobre a cosmologia e os mitos envolvidos na confecção da própria astrologia.

Como eu disse lá no comecinho, eu sou escritor e este foi um dos motivos para eu me aproximar um pouco mais da astrologia.

Quantos personagens, situações, relacionamentos e acontecimentos eu não posso encontrar num mapa Astral?

Programa de computador

Você pode estar perguntando: tudo bem, eu posso consultar um astrólogo eu obter um mapa astral de minha pessoa. Mas como posso usar isso para criar personagens ou meditar a respeito da natureza humana?

Eu pessoalmente uso programa What Watch, de código aberto, gratuito. Ele é bastante completo para criar mapas. Assim é possível criar mapas de personagens hipotéticos. Uma forma divertida de usar este programa é verificar o mapa astral de personagens históricos e de celebridades.

E quanto a interpretação?

Como eu já disse, a astrologia é um oráculo. Há vários cursos, livros e outras fontes que podem ser usadas para você aprender um pouco a respeito de como interpretar um mapa. Uma delas é acompanhar este site. De quando em quando publicarei alguma coisa sobre o assunto.

 

 

0
Compartilhamentos
Alvaro Domingues
 

Filósofo, escritor e oraculista.